Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Fahion And Other Teas

Um chá de moda e informação para os que correm com a atualidade. Um brinde! A fashion and news tea for the those who run with our times. Cheers!

Fahion And Other Teas

Um chá de moda e informação para os que correm com a atualidade. Um brinde! A fashion and news tea for the those who run with our times. Cheers!

13
Set22

#VMAS 2022 | Taylor Swift

Clara Cardoso

Oi, lindeusos! Como vocês estão??

Voltei para o blog depois de quase dois anos, nem acredito. Espero que, nesse meio tempo, tenham estado bem e seguros. Acredito que tenham reparado que houveram algumas mudanças por aqui, não? Aos novos e antigos leitores, sejam bem-vindos (de volta).

Enfim, como agora moda entrou aos nossos assuntos, vamos ao primeiro post!

Que a Taylor Swift andou sumida das últimas premiações, a gente já sabe, mas a bonita voltou a aparecer na edição do VMAS de 2022. 

No tapete vermelho, de longe foi uma das melhores da noite de premiações com o vestido da coleção Resort 2023 de Oscar de la Renta. Não dá para saber se a escolha foi proposital ou não, mas o crossover entre a roupa dela com o seu clipe “Look What You Make Me Do” é claro e foi notado pelos fãs da cantora (eu incluída). 

 

Há quem especule também a semelhança com uma das suas primeiras vezes no #VMAS quando participou de um escândalo da edição do prêmio com Kanye West, em 2009.

Fofocas da Cultura Pop à parte, proposital ou não, o fato de ter voltado aos tapetes vermelhos com uma marca de peso e com um vestido que foi desfilado há apenas dois meses e meio atrás é memorável. 

O vestido foi totalmente trabalhado em correntes de cristais. Mas não para por aí, já que a ideia de brilho minimalista, mas marcante estendeu-se aos sapatos e à maquiagem também. Um tom de classe para quem levou três prêmios da noite, entre as cinco indicações que recebeu.  

vma-2022-taylor-swift-tapete-vermelho-SAPATO.webp 

Além dos looks, a noite de Taylor também marcou o anúncio do seu novo álbum, Midnights, previsto para o final de outubro.

Após ter levado o prêmio de melhor videoclipe do ano com All Too Well, a cantora utilizou da maison Moschino para acompanhá-la no after-party da premiação. Numa estética voltada para os anos 2000, com uma pegada mais confortável e curta, Taylor aparece com um casaco branco de pelagem falsa.

OPINIÃO |  Há sempre aquela massa de pessoas que vão considerar o uso de uma grife num tapete vermelho, numa premiação, em clipes… Enfim, nos seus trabalhos e aparições, como algo fútil, insignificante ou mais um do comum. Contudo, como fã de artistas e fã da moda, acredito que sim faça a diferença e que graças ao maior meio, a mídia, esses dois universos se juntam e se suportam. Além disso, ver o cuidado de marcas em se propor a seguir estilos e eras artísticas dos artistas é delicado, sensível e cria uma ligação de pertencimento entre o mero telespectador e o artista e todo o resto.

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub